Sem título-1_edited.png

Brasil encerra safra 21/22 com produção recorde, alta de 5,6% ante ciclo passado

Conab elevou a projeção da safra de soja do Brasil 2021/22 para 125,55 milhões de toneladas, ante 124,05 milhões em agosto

Já a exportação de milho deverá somar 37 milhões de toneladas, 500 mil a menos do que o previsto em agosto


A produção total de grãos e oleaginosas do Brasil na safra 2021/22 foi estimada em recorde de 271,2 milhões de toneladas, alta de 5,6% ante ciclo anterior, apontou nesta quinta-feira (8) a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), no seu último levantamento para a temporada.


A safra total de milho do Brasil 2021/22 foi estimada em 113,3 milhões de toneladas, com redução ante as 114,69 milhões de toneladas da previsão de agosto, mas um aumento de 30,1% versus o ciclo 2020/21, graças à recuperação de produtividades após severa seca na temporada anterior.


A Conab elevou a projeção da safra de soja do Brasil 2021/22 para 125,55 milhões de toneladas, ante 124,05 milhões em agosto, mas ainda assim a produção cairá 9,9% na comparação com 2020/21, quando o país teve um recorde.


Com uma revisão para cima na estimativa, a Conab elevou a previsão de exportação de soja do país em 2022 para 77,19 milhões de toneladas, versus 75,23 milhões vistos no mês passado.


Já a exportação de milho deverá somar 37 milhões de toneladas, 500 mil a menos do que o previsto em agosto.



Fonte: https://www.cnnbrasil.com.br/business/brasil-encerra-safra-21-22-com-producao-recorde-alta-de-56-ante-ciclo-passado/