Sem título-1_edited.png

Linhas de crédito do Plano Safra 22/23 estarão disponíveis nesta semana, diz Mapa

O crédito suplementar de R$ 1,2 bilhão para equalização de juros, de financiamento do Plano Safra 22/23, continua inacessível aos produtores.

O crédito suplementar de R$ 1,2 bilhão para equalização de juros, de financiamento do Plano Safra 22/23, continua inacessível aos produtores.


A situação preocupa, principalmente, os pequenos agricultores. No Rio Grande do Sul, o atraso pode comprometer o plantio do milho.


Segundo o presidente da Federação dos Trabalhadores na Agricultura do RS (Fetag), Joel Carlos, o Rio Grande do Sul foi castigado pela seca na safra passada e o atraso dos recursos neste ano pode comprometer os investimentos dos produtores, especialmente em projetos de irrigação.


“Se demorar muito para o recurso chegar, para esta safra, de repente vai ficar comprometido esse recurso para irrigação ou ainda projeto de uma máquina, de um equipamento que precisa para usar na safra. Então isso impacta. Nós esperamos que assim como os deputados votaram rápido e o próprio presidente também sancionou rapidamente, que o Banco Central e o Ministério da Economia possam emitir a resolução no máximo até amanhã”, diz.


Em nota, o Ministério da Agricultura (Mapa) afirma que a expectativa é que ainda nesta semana todas essas linhas e programas já estejam operacionalizáveis.


O Mapa também ressaltou que para operar as linhas e programas equalizáveis, os bancos aguardam uma portaria de equalização do Ministério da Economia.



Fonte: https://www.canalrural.com.br/noticias/economia/linhas-de-credito-do-plano-safra-22-23-estarao-disponiveis-nesta-semana-diz-mapa/